O sucesso é compreendido em três fases distintas: a preparação, a transação e o cumprimento.
~John Beckett

Uma analogia tirada do mundo dos negócios

Quando se trata de compreender esta idéia do ponto critico, encontrei uma analogia tirada do mundo dos negócios.

Supomos que nossos vendedores estão procurando por um novo cliente. Trabalham duros para construir uma relação e para criar neste cliente o desejo de negociar conosco. Este processo pode levar um longo tempo. No entanto nada definitivo acontece enquanto não acontece um evento particular – recebemos um pedido ou um contrato. Esta transação é o ponto critico. Certamente é quando trabalhamos próximo com o cliente para satisfazer suas necessidades.

 

O sucesso é compreendido em três fases distintas: a preparação, a transação e o cumprimento.

Eu notei que havia estágios similares em minha jornada espiritual. Inicialmente, houve um período de preparação no qual Deus estava me atraindo a si. Ele me mostrava sua bondade – Seu amor – como quando conheci a Wendy. Ele permitiu que eu tivesse dificuldades. Levando-me até o ponto mais extremo de meus próprios recursos. Mas tinha em sua mente um alvo. Este alvo era “fechar um contrato” . Era trazer me a um ponto onde eu pudesse confiar nele e me entregar ao seu cuidado.

A partir deste ponto uma relação nova com um compromisso profundo começou. Posso dizer que Ele tem feito tudo possível para cumprir com o compromisso que fez comigo quando eu comprometi me com Ele.

Deixe me dizer a você porque eu escrevi este livreto.

Eu quero ajudar outros a chegarem neste ponto critico.

Durante anos, estive procurando e lutando. Para mim, o caminho pra casa não estava claro, tão pouco convincente. Eu posso entender quem está confuso. Durante um longo tempo, pensei que bastava apenas “ser bom”, como “fazer boas obras”,  ou “ter moral” e “ajudar outros”.

Eu agora percebi que isto é importante, mas nenhuma delas é transformadora.  Não são a mesma coisa que chegar espiritualmente ao lar. Isto só acontece quando nos entramos em uma relação pessoal e transformadora com Jesus Cristo.

Nesta transição tão critica na minha própria vida, eu entendia muito pouco sobre a profunda mudança que estava acontecendo. Agora, graças ao que tenho aprendido na Bíblia, de ensinos sólidos e da “escola da vida”, tenho uma compreensão muito melhor da forma  como uma pessoa entra e sai deste relacionamento vital.

Conforme explico como chegar a um relacionamento adequado com Deus, estou certo de que não vou responder a todas as perguntas. Mas acredito que encontrei um mapa confiável. Sei que isto me ajudou em minha jornada. Eu acredito que também ira ajudar você.

No principio . . .»